Rodrigo Cintra

Categorias

Histórico

No poo e low poo: o que são essas formas de lavar o cabelo e como começar

Rodrigo Cintra

13/02/2018 05h00

Já pensou em deixar o xampu de lado? Pode ser bom para os seus cabelos! (Foto: iStock)

 

Cosméticos com fórmulas mais leves, sem carregar em ativos químicos e sintéticos — como sulfatos, silicones e parafina líquida — ganham cada vez mais adeptas. As práticas do no poo e do low poo retratam bem essa mudança de hábito, em novas formas de limpar os cabelos sem abrir mão da proteção e da hidratação natural dos fios.

Low poo

Quem adota o estilo low poo deixa de usar xampus à base de emulsionantes, silicones, parafina líquida e outros ativos derivados do petróleo. A ideia é optar por produtos sem sulfato em sua composição — uma espécie de detergente, que usado em grandes quantidades, como nos xampus normais, retira a gordura natural da camada lipídica e do couro cabeludo, provocando ressecamento.

A proposta é limpar sem retirar os óleos naturais com esses produtos específicos e pode ser aplicada em todos os tipos de fio, do liso ao cacheado.

No poo

Já os resultados do no poo, sem xampu, aparecem melhor nos cabelos mais grossos, frisados e que não mantém a umidade natural, como os cacheados. As donas de fios finos e muito oleosos devem evitar. Neste caso, a higienização é feita com a técnica do co-wash. O protagonista é o condicionador.

Aqui, a preferência também é por produtos sem sulfato, silicone e derivados de petróleo. Opte por fórmulas com ativos naturais, como manteiga de karité e aloe vera. Mas atenção: o uso deve ser feito apenas no comprimento e nas pontas. Para potencializar a hidratação, aposte em máscaras uma vez na semana.

Como começar

O mais importante para quem nunca passou pela experiência é aderir a esse estilo de maneira gradativa. Dê um passo de cada vez.

  • Primeiro, evite finalizadores, para acabar com resíduos químicos nos fios e couro cabeludo;
  • Inicie a adaptação pelo processo low poo. Isso dará tempo de você avaliar os benefícios e saber se quer passar ao próximo passo;
  • Se quiser testar o no poo, aposte em um detox do couro cabeludo antes para uma limpeza profunda, desobstruindo os poros;
  • Os cabelos acostumados a processos químicos podem demorar para exibir os efeitos. Não desanime, pois os resultados aparecerão, em forma de fios mais saudáveis e hidratados.

Sobre o autor

Quando o assunto é cabelo, o expert em transformações Rodrigo Cintra é referência: em 23 anos de carreira, o paulistano, co-apresentador do programa "Esquadrão da Moda", do SBT, coleciona prêmios e títulos como um dos profissionais de beleza mais completos do país. Ele compartilha toda sua expertise em palestras e workshops por todo o Brasil para mais de 15 mil cabeleireiros por ano.

Sobre o blog

Dicas, cuidados, além das principais tendências sobre cabelo no mundo e grandes inspirações para você se apaixonar e apostar já!

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Blog do Rodrigo Cintra
Topo